Pular para o conteúdo

Categoria: Política Externa Brasileira

Américas 0

O Mercosul na Rodada São Paulo: opções e perspectivas brasileiras sobre o comércio internacional, por Leandro Freitas Couto & Creomar Lima Carvalho de Souza

Os oito anos de administração Lula foram marcados pelo crescimento de um viés afirmativo das relações internacionais do Brasil. Isto quer dizer que, amparado na figura carismática do presidente, no profissionalismo da diplomacia e em uma agenda de poder própria as ações externas brasileiras se constituíram de modo a pavimentarem uma agenda de poder e potência no médio-longo prazo. Dentro […]

Américas 0

Breve balanço da Política Externa do Governo Lula para a América do Sul, por Bruno Mendelski de Souza

Desde a metade dos anos 1980, a partir dos acordos de cooperação selados pelos presidentes do Brasil, Sarney e da Argentina, Alfonsín, que encerram um período de desconfiança mútua entre os dois principais estados sul-americanos, o Brasil volta de forma mais efetiva, suas ações para a América do Sul. Em 1991 cria-se o Mercosul no governo Collor com o intuito […]

Economia Internacional 1

G20: A Cúpula de Seul e o novo papel do Terceiro Mundo, por Priscila Teixeira Quaini

No último mês de novembro, o mundo acompanhou de perto a Cúpula do G20, em Seul, na Coreia do Sul. A presença de tópicos sensíveis da conjuntura econômica de então foram fonte de altas expectativas quanto à formação de acordo entre as principais economias. O resultado, no entanto, revelou-se frustrante para aqueles que esperavam diretrizes concretas para a condução dos […]

Economia Internacional 0

Resenha do livro "The End of The Free Market", de Ian Bremmer, por Gustavo Resende Mendonça

A crise econômica de 2008 teve impacto significativo sobre as perspectivas de atuação do Estado na economia e sobre o papel dos mercados emergentes na condução dos temas centrais das relações econômicas internacionais. O Capitalismo de Estado e a “ascensão do resto” são os dois temas centrais da obra The End of The Free Market, de Ian Bremmer, presidente da empresa […]

Américas 0

A volta do dualismo estrutural: Fome e bioetanol, por Argemiro Procópio Filho

As políticas públicas com conhecimento das particularidades do comércio internacional, criadas para apoiar a produção agrícola estrategicamente concebida, são prejudicadas pelo continuísmo da degradação ambiental. Tais políticas evaporam-se nas astúcias pelo imediatismo dos lucros presentes na ideologia do agronegócio. Estreitando os horizontes da gestão empresarial ambientalmente responsável, desposuído de visão integrada da sustentabilidade no processo produtivo, o agronegócio cresce parri-passu […]

Américas 1

Globalização, integração e Estado Nacional no mundo contemporâneo, por Amado Cervo

Neste artigo não se focaliza a definição dos três conceitos – globalização, integração e papel do Estado Nacional – utilizados para analisar as relações internacionais contemporâneas desde o fim da Guerra Fria. Manipula esses fenômenos, na expectativa de contribuir para sua compreensão, mas tem por escopo o nexo entre eles. Considera plausível tomar este nexo seja como determinante seja como […]

Política Externa Brasileira 0

Política africana do governo Lula: um ponto de inflexão (e reflexão), por Cláudio Oliveira Ribeiro

Após um longo silêncio, as relações do Brasil com o continente africano ganharam novo impulso com o governo Luiz Inácio Lula da Silva. A despeito da continuidade observada no plano econômico doméstico, a política externa do novo governo veio demonstrar-se um dos setores que melhor reflete as posições tradicionais do Partido dos Trabalhadores, pois o discurso e a prática diplomática […]

Américas 1

O contrabando de produtos da bovinocultura no Mercosul, por Argemiro Procópio Filho

Rastrear o diamante é incomparavelmente mais complexo que o couro. Graças ao Protocolo de Kimberley, o mundo deu pequeno passo exigindo comprovação da sua procedência. Com isso, salvam-se vidas e evitam-se conflitos. Protocolo semelhante pode e deve ser feito com o couro e com o cálculo biliar. Obrigaria aos gigantes da indústria calçadista declarar a procedência do tecido epitelial bovino […]

Américas 0

A nova extensão do affair boliviano: ato final com aviso prévio, por José Ribeiro Machado Neto

Ao que tudo indica parece que estamos chegando próximo do ato final do affair boliviano, não por meios diplomáticos coordenados, mas pela imposição do governo Morales, que ao indicar preços, prazos e vontades para a solução da crise – estendida voluntariamente há tempos – radicaliza o cenário de disputa com o Brasil. O silêncio brasileiro pode até ter sido estratégico, […]

Américas 0

Crescimento desigual na América Latina, por Ricardo DaSilva

O ambiente econômico favorável ao crescimento na América Latina, refletido desde 2002, não se refletiu nas metas de atendimento social de acordo com ultimo relatório – Estudos Econômicos da América Latina e do Caribe 2005 – 2006 – da Comissão Econômica da Organização das Nações Unidas para a América Latina e o Caribe (CEPAL). Nele, apresentam-se dados que mostram que […]

Américas 0

Degradação ambiental e Ongs na Amazônia Continental, por Argemiro Procópio Filho

Os mandatários dos oito países amazônicos, cada qual deles responsável por soberania e por suas presenças nas relações internacionais por meio de suas respectivas instituições, esquecem-se do custo do desgaste da imagem no exterior ocasionado pela devastação ambiental, ficam incapazes da procura de caminhos alternativos e privilegiam a produção às expensas do meio ambiente. No Brasil, o continuado desflorestamento apena […]

Américas 0

O poder militar brasileiro e seus dilemas: quantidade ou qualidade?, por João Fábio Bertonha

Em pesquisas recentes que fiz em sites e revistas especializadas em questões de defesa, um tópico que é recorrente é o da irrelevância militar brasileira. Para muitos analistas, a fraqueza das nossas Forças Armadas chegou a tal ponto que não seriamos mais capazes nem de proteger a soberania nacional frente a ameaças externas e internas, nem de projetar poder em […]

Américas 0

Condicionantes dos processos de integração: Europa e América Latina, por Maria Izabel Mallmann

Neste ano o Tratado de Roma que instituiu a Comunidade Econômica Européia, em 1957, completa cinqüenta anos amplamente festejados inclusive pela comunidade internacional que tem buscado inspiração no processo de integração europeu para a superação de suas limitações nessa área. A idéia de uma Europa unida e pacificada é tão antiga quanto as guerras naquele continente. Sobretudo nos séculos XVII […]