A criação da Escola Sul-Americana de Defesa (ESUDE) é um marco importante no aprofundamento da construção da comunidade de segurança sul-americana. Este é um passo crucial para a dissipação de problemas internos e reforçar a imagem da sub-região como um espaço de diálogo.